Treinos intensos e curtos queimam mais calorias | Imprimir |

 

Muito tempo de exercício que não exige esforço pode até engordar, diz pesquisa


Atividades mais intensas praticadas por um curto período de tempo queimam mais calorias do que um exercício realizado por mais tempo, mas que não exige tanto esforço.



Pesquisadores da Universidade de South Wales, na Austrália, realizaram testes com 45 mulheres acima do peso. Elas foram divididas em dois grupos e pedalaram três vezes por semana, durante 15 semanas.



— O grupo que aliou a pedalada a um exercício de alta intensidade por 20 minutos emagreceu três vezes mais do que as mulheres que praticaram o exercício regularmente durante 40 minutos — explica o cientista Steve Boutcher, que liderou o estudo.



Boutcher afirma que a técnica pode ser aplicada em outras atividades, como natação, caminhada ou corrida. Segundo ele, a malhação mais longa e moderada pode engordar porque deixa a pessoa com mais fome depois da atividade.



Cientistas da Universidade de Munique sugerem que a culpa é do aumento da secreção de um hormônio chamado grelina, que desperta a sensação de fome no cérebro. Eles identificaram que a secreção da substância aumenta na atividade de longa duração. Nos treinos curtos, os níveis de grelina permanecem estáveis.


Fonte: Bem-estar ZH